Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2018
Publicações

Revista Jangada - Chamada para publicação - Dossiê: Literatura, Cinema e Gastronomia

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento:

Bolsas de investigação, Cinema, Gastronomia, Literatura

Chamada para Publicação- Revista Jangada - Nr. 11

Dossiê: Literatura, Cinema e Gastronomia

 

Há muito tem se discutido o diálogo entre literatura e cinema. Talvez L’Âge du roman américain (1948), do francês Claude Edmonde-Magny, tenha sido a primeira obra a tratar dessa fraterna camaradagem. Na trilha de John dos Passos, que, em 1938, ao publicar sua trilogia USA, deu o nome de camera eyes a alguns de seus capítulos, Magny, incluindo outros autores como Hemingway, Steinbeck e Faulkner, tentou traçar um paralelismo entre a escritura literária e a cinematográfica. A partir disso, proliferaram-se algumas imprecisões e muita polêmica, sobretudo porque, à época, a crítica cinematográfica trilhava caminho inverso à literária. A ideia de que uma câmera era uma caneta, e podia exprimir algo tão abstrato e profundo quanto a escrita se espalhou e se tornou um clichê.

Hiroshima mon amour, de Resnais e Duras, lançado em 1958, consagra essa colaboração inteiramente nova entre a literatura e o cinema. De lá para cá, a camaradagem só se acentuou. Contudo, o cinema têm braços largos e fez da arte da gastronomia o mote de muitas de suas obras, traçando um imbróglio entre os dois e a literatura.

Não sem tempo, vale a pena relembrar Como água para chocolate, cujo roteiro, de Laura Esquivel (também baseado em seu próprio romance homônimo), conta a história de Tita, que nasce na cozinha da família, quando a mãe descascava cebolas. Não menos célebres são A Festa de Babette, baseado no conto de Karen Blixen e Os Sabores do Palácio, de Christien Vicent, livremente inspirado na vida da cozinha de François Mittérand, presidente francês.

Isto posto, temos o prazer de convidá-los a submeter trabalhos para o número 11 da Revista Jangada (ISSN: 2317-4722), publicação eletrônica semestral, editada pelo Programa de Pós-Graduação em Letras da Universidade Federal de Viçosa - UFV, juntamente com um corpo de pesquisadores, artistas e escritores de diversas instituições de ensino públicas e privadas e organizações não governamentais. A Jangada publica artigos de caráter teórico-crítico que contemplem áreas cujo objeto de estudo seja a linguagem em suas diversas manifestações, tais como os segmentos de Estudos Literários, Crítica Literária, Tradução e Artes. São aceitos trabalhos redigidos em português, francês, espanhol e francês.

No intuito de fomentar o diálogo entre as várias etapas da vida acadêmica, aceitamos a submissão de artigos de alunos de pós-graduação, de professores e demais pesquisadores. Trabalhos de alunos de graduação também são aceitos, desde que em coautoria com o orientador ou com pesquisador com título de doutor.

Para o número 11, os artigos devem ser enviados até 05 de junho de 2018, sempre através do endereço: http://www.revistajangada.ufv.br (É necessário cadastrar-se como autor. Pedimos que todos os campos sejam preenchidos). O número tem publicação prevista para agosto de 2018. Lembramos ainda que os autores devem observar as normas de publicação disponíveis no endereço: https://www.revistajangada.ufv.br/index.php/Jangada/about/submissions.

Contamos com a ajuda de todos na divulgação dessa chamada. Aproveitamos para convidá-los a apreciar os números anteriores da revista, no endereço: http://www.revistajangada.ufv.br. E a “curtir” nossa página no Facebook®: https://www.facebook.com/revista.jangada/.

Quaisquer dúvidas, escrevam para revistajangada@gmail.com !

Cordialmente,

Dirceu Magri e Joelma Santana Siqueira

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas