Quarta-feira, 28 de Fevereiro de 2024
Publicações

Chamada para publicação da Revista RITA: Os esportes nas Américas

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: França

Chamada para artigos, Estudos Latino-Americanos

A Revista Interdisciplinar de Trabalhos sobre as Américas (RITA) (ISSN 2102-6424) lança uma chamada de artigos para o seu número 17:

Os esportes na Américas

Prazo para submissão: 30/11/2023

Apresentação

“O corpo de um atleta e a alma de um sábio”, escreveu Voltaire a Helvetius, “é disto que precisamos para sermos felizes”. Nós, da RITA, não pretendemos ter corpos de atletas, mas esperamos que nossa revista contribua, modestamente, para a sabedoria da alma. E como a cidade de Paris vai sediar os Jogos Olímpicos de 2024, o momento nos parece oportuno para convidar os pesquisadores a usar sabedoria e pensamento crítico a fim de interrogar e analisar o lugar do esporte nas Américas, de Norte a Sul.

Assim como os Jogos Olímpicos reúnem um leque muito amplo de esportes, todas as disciplinas das ciências humanas e sociais são convidadas a observar este objeto essencial das nossas sociedades contemporâneas. O o esporte poderá ser considerado tanto em suas práticas cotidianas e seu uso por motivos de saúde ou de educação, quanto através de sua economia e sua profissionalização ; suas práticas ilegais e dopantes ; sua cobertura na mídia ; seus eventos de alcance local ou internacional ; e suas implicações geopolíticas (ranking na tabela de medalhas, competição pela organização de eventos esportivos, peso político das federações nos Estados, instrumentalização política do sucesso esportivo, etc.).

Como o esporte pode ocasionalmente ser usado pelos Estados como um instrumento de soft power, ou mesmo, em alguns casos, de propaganda nacional? Que lugar o esporte ocupou no sistema educacional e social da Cuba revolucionária, em particular através da prática de disciplinas como o boxe? Quais têm sido os impactos socioeconômicos, urbanísticos e ecológicos das recentes Olimpíadas ou das Copas do Mundo de futebol organizadas no continente americano? De que forma os regimes de segurança nacional dos anos 70 foram capazes de instrumentalizar o esporte como espetáculo, seja através da organização de grandes eventos esportivos, seja através do sucesso das seleções nacionais? Como o atletismo e o sprint, como o reggae, se tornaram o orgulho da nação jamaicana inteira? Que visões e perspectivas as artes visuais, a música, o cinema e a literatura têm sobre o futebol no país de Pelé, Romário, Neymar e Marta?

Poderíamos multiplicar as perguntas deste tipo, quase infinitamente. O tema é tão vasto e – é nossa convicção – tão estimulante, que não há necessidade de dar demasiadas orientações; não iremos ao ponto de dizer que "o importante é participar", mas desejamos, de qualquer forma, deixar este dossiê aberto a todas as propostas científicas que nos permitirão definir melhor as muitas ramificações e ressonâncias do esporte nas Américas.

Então... um, dois, três e já! Para sua décima sétima edição, RITA propõeexplorar as Américas como territórios do esporte, através do leque amplo de abordagens e métodos das ciências humanas e sociais.

Títulos

A revista está dividida em duas partes. Uma, temática (Dossier), com contribuições diretamente relacionadas com o tema da edição. A outra, livre (Varia), para contribuições não relacionadas com o tema da edição.

Cada seção (Dossier e Varia) é dividida em 4 rubricas:

1) Artigos

As contribuições devem propor pesquisas teóricas ou empíricas completas. A questão de pesquisa deve ser claramente exposta e contextualizada para um público interdisciplinar. Os métodos devem ser especificados, assim como os resultados, em conformidade com as normas da revista e com as exigências científicas. Os artigos propostos devem respeitar os seguintes critérios:

  • 50.000 caracteres no máximo (incluindo notas, bibliografia e espaços)

  • Os artigos podem ser escritos em francês, inglês, espanhol ou português

  • Devem ser acompanhados de um resumo (aproximadamente 1.000 caracteres) e de 3 a 5 palavras-chave, na língua do artigo e em um dos outros idiomas da Revista.

2) Conexões

Os artigos publicados em conexões ligam a reflexão científica com os campos social, político ou educacional. Em termos concretos, esta seção contém três tipos de textos:

- Artigos que, sujeitos a um formato e exigências mais flexíveis, permitem que os pesquisadores apresentem trabalhos ainda em andamento e estudos exploratórios.

- Notas de campo, reflexões metodológicas sobre pesquisa ou ensino

- Resenhas de livros

O formato dos textos é de 50.000 caracteres no máximo para todo o documento (títulos, resumos, notas, bibliografia, espaços). O resumo não deve exceder 1000 caracteres (incluindo espaços). Deve ser acompanhado de 3 a 5 palavras-chave. O resumo e as palavras-chave devem aparecer na língua do artigo e em outra das quatro línguas da revista.

3) Expressões Livres

sessão que acolhe textos com vocação literária ou artística (crônicas, poemas, contos, relatórios de exposições), assim como artigos com dimensão cívica e não científica, sobre a atualidade das Américas. O formato das propostas é de no máximo 30.000 caracteres (incluindo notas, bibliografia e espaços).

4) Encontros

uma seção que funciona como um fórum, contando com entrevistas com cientistas, artistas, políticos, ativistas, cidadãos, etc. O formato das proposições é de 15.000 a 60.000 caractéres para todo o documento (incluindo apresentação, notas, bibliografia e espaços). A Entrevista deve conter a apresentação do entrevistado e 3 a 5 palavras-chave na língua do artigo e em outra das quatro línguas da revista.

Submissão de propostas

Artigos completos que atendam aos padrões da rubrica escolhida (para mais detalhes) são esperados no seguinte endereço: revue.rita@gmail.com

até 30/11/2023.

Lembramos que os artigos podem ser escritos em inglês, espanhol, francês e português.Uma primeira seleção dos textos será feita pelo Comitê Editorial, que informará os autores do resultado durante o mês de setembro de 2023. Posteriormente, os textos selecionados serão avaliados por leitores anônimos. Os artigos poderão ser rejeitados ou aceitos com ou sem modificações.A edição 17 da RITA será publicada no início da segunda metade de 2024.

Aviso importante: os artigos devem ser inéditos e não ser submetidos simultaneamente para a aprovação de outras revistas.

Conselho editorial

  • Renata Andrade, université de Lille.

  • Marie Arias, CeRAP

  • Julien Brugeron, docteur en littérature des États-Unis

  • Nathalia Capellini, université de Genève

  • Barbara Franchi, CAS (Centre for Anglophone Studies), université Toulouse Jean Jaurès

  • Cléa Fortuné, université Sorbonne Nouvelle (LEA)

  • Cristina García Martínez, université de Grenoble Alpes (France) et université Rovira i Virgili (Espagne).

  • Bruno Hervé Huamani, chargé d’études à l’Observatoire régionale de la santé de la Région Centre-Val de Loire.

  • Fabian Plazas, université Paris 1 Panthéon Sorbonne

  • Céline Raimbert, Centre de Recherche et de Documentation des Amériques (CREDA)

  • Antonio Ramos Ramírez, université Paris 8

  • Etienne Sauthier, Centre de Recherche et de Documentation sur les Amériques (CREDA)

  • François Weigel, CELIS (Centre de recherches sur les littératures et la sociopoétique), à la Maison des sciences de l’homme (MSH) de Clermont-Ferrand

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas