Sexta-feira, 14 de Maio de 2021
Publicações

Chamada da Revista Transversos para o dossiê "Africanizar: resistências, resiliências e sensibilidades"

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Brasil

Chamada para artigos, Estudos Africanos, História

Chamada para Publicação
Dossiê: Africanizar: resistências, resiliências e sensibilidades
 
A 22ª edição da Revista Transversos, Qualis A3, tem o prazer de convidar pesquisadores de diversas áreas do conhecimento para o envio de artigos inéditos, experimentações, entrevistas e notas de pesquisa para o dossiê Africanizar: resistência, resiliências e sensibilidades. Busca textos que iluminem, a partir de problematizações teóricas e metodológicas, as práticas de resistências e de resiliências, assim como as sensibilidades expressas pela multiformidade africana ao longo de sua história. Rastreia reflexões que procuram formas mais complexas de análise, além das oferecidas pelo pensamento binário. O imperativo “africanizar” surge como necessidade de ouvir as vozes do continente, evitando as essencializações redutoras, questionando os parâmetros fornecidos apenas a partir do viés eurocêntrico, da branquidade, do androcentrismo, do heteronormativo, das metanarrativas nacionais homogeneizantes ou dos interesses dos dominantes, sejam eles, estrangeiros ou locais. Deseja distintas escritas que apontem o agenciamento e os saberes dos silenciados, dos invisibilizados e daqueles que foram colocados à margem. Quer análises de como se deram as resistências - atos de persistir, de se assumir, de não aceitar a ser coisificado pelo outro, mesmo que para isso se utilize do simulacro, do mimetismo e do hibridismo. Interessa ao dossiê artigos vasculhadores de que forma, no continente africano, vulnerabilizados, seja do ponto de vista econômico, social, político ou cultural, arquitetam, ante as opressões, saídas pela resiliência. Essa vista como arte do mais fraco em se adaptar às situações adversas, reinventando-se positivamente, buscando autoestima ou significado para a vida, preservando ou reconstruindo identidades, para enfrentar e, se possível, superar as sujeições. Enfim, o dossiê deseja reunir textos atentos à diversidade das sensibilidades africanas, às maneiras como os subalternizados enfrentam as estruturas políticas, econômicas, sociais e culturais cerceadoras dos desejos, das formas de sentir, imaginar, valorar e agir, que se constroem contra o estabelecido.
 
Os trabalhos devem ser submetidos pela plataforma: http://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/transversos - onde constam as normas de publicação. O prazo até o dia 15/03/2021.
 
Organizadores:
Carlos Manuel Dias Fernandes (CEA/UEM)
Cesaltina C. B. de Abreu (FCS/UAN; LAB/UCAN)
Gustavo Pinto de Sousa (DESU/INES; ProfHistória/UFRJ)
Patrícia Alexandra Godinho Gomes (Pós-Afro/UFBA)
Rogério da S. Guimarães (PPGH/UERJ/CAPES)
Silvio de Almeida Carvalho Filho (ProfHistória/UFRJ; UERJ)

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas