Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018
Notícias

Associação ALBI ASTA apresenta na Argentina e Brasil, Paradjanov – A Celebração da Vida

Início: Fim: Países: Argentina, Brasil, Portugal

Divulgação, Eventos, Teatro

Depois de Espanha, Itália, Portugal e Arménia, a Associação de Teatro e Outras Artes ALBI ASTA apresenta durante o mês de outubro, na Argentina e Brasil, com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian, o seu espetáculo mais recente Paradjanov – A Celebração da Vida, com base na vida e obra do cineasta arménio Sergei Paradjanov (1924-1990), considerado um dos mais importantes cineastas do século XX.

A vida e obra de Paradjanov foram marcadas pelo assassinato da sua primeira esposa e pela morte prematura de Svletana Ivanovna, segunda esposa do autor, famosa atriz georgiana, que morreu aos 40 anos. O espetáculo propõe uma recriação ficcional da vida e obra do cineasta arménio e alia o teatro, o cinema e o vídeo, dirigido pelo encenador convidado, Pati Domenech.

Asta Ganha Prémio na Argentina

Melhor Monólogo, na Categoria Drama, foi esta a distinção arrecadada pela companhia covilhanense no 14.º Festival Ibero Americano Mar del Plata, na Argentina. Sérgio Novo, foi ainda nomeado para o Prémio de Melhor Ator, e Pati Domenech para Melhor Diretor.

A ASTA — Associação de Teatro e Outras Artes, companhia de teatro profissional sediada na Covilhã, está desde o passado dia 1 de outubro em digressão pela América Latina. Na mala leva Paradjanov – A Celebração da Vida, um trabalho unipessoal, que celebra os 20 anos de carreira do ator Sérgio Novo.

A primeira paragem foi em Buenos Aires, no passado dia 4, e a 6 apresentou-se no festival de Mar del Plata, que anunciou hoje os vencedores da edição deste ano.

Neste momento, a ASTA, encontra-se em São Paulo, Brasil, onde permanecerá até final do mês. Já fez quatro apresentações e ainda têm mais três agendadas em território brasileiro.

Este novo prémio, eleva para 19 as distinções alcançadas pela ASTA, ao longo dos seus 18 anos de atividade ininterrupta, oriundas de 5 países (Argentina, Espanha, França, Marrocos e Portugal).

Recorde-se que este espectáculo foi estreado no início do ano, em Santander, passou ainda por Burgos, Tenerife, Madrid e Barcelona, em Espanha. Em Itália foi apresentado nas cidades de Gubio e Loreto. Por cá, além da Covilhã, esteve em Santa Maria da Feira, Idanha-a-Nova, Vieira de Leiria e Sintra. Tendo ainda viajado até à capital da Arménia, Yerevan, para participar no Festival Internacional de Teatro Armmono. Até ao momento, foram realizadas, um total de 28 apresentações.

Este projecto da ASTA é financiado pelo Ministério da Cultura / Direção Geral das Artes, conta com o apoio à internacionalização por parte da Fundação Calouste Gulbenkian, e está co-produzido pela companhia Abrego teatro, a sala La Teatreria de Abrego e o Festival Internacional de Teatro Solo Tu, ambos de Santander.

Paradjanov ou a celebração da vida (trailer português)

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas