Segunda-feira, 26 de Outubro de 2020
Investigação/projetos

O Poder das Narrativas

Países: Portugal

Literatura

O Poder das Narrativas, as Narrativas do Poder
Prémios Literários, Cânone e Políticas editoriais no universo da língua portuguesa

 
Centro de Estudos Humanísticos Da Universidade do Minho
 
Este projeto de investigação visa mapear os prémios literários de língua portuguesa e analisar criticamente os parâmetros por que se rege a sua atribuição com o objetivo de explicitar as dinâmicas que determinam a canonização académica, as práticas editoriais e a visibilidade pública, bem como o posterior ajustamento do Plano Nacional de Leitura e curricula (do ensino secundário e superior) através da inclusão/exclusão de autores premiados.
 
Serão objeto de análise alguns dos mais significativos prémios literários do universo da língua portuguesa, tais como: Prémio Camões, Prémio Saramago, Prémio Leya, Prémio Portugal Telecom, Prémio Craveirinha, Prémios APE, Prémio PEN Club, Prémio Casino da Povoa/Correntes d’Escritas, Prémio DST, Prémio de Poesia Luís Miguel Nava, Prémio Jabuti, entre outros. Será tomado como pano de fundo subjacente a esta análise o contexto global do chamado “prémio dos prémios”, o Prémio Nobel, analisando quer o seu significado estético quer o seu impacto societal. As conclusões da pesquisa permitirão contrastar práticas de canonização com as de marginalização, rasura ou silenciamento de autores e dos particulares contextos de escrita que estes representam.
 
Coord. Ana Gabriela Macedo
Equipa
Amélia Carvalho
Andreia Sarabando
Ana Carvalho
Elena Brugioni
Joana Passos
Margarida Pereira
Marie-Manuelle Silva
Rui Miranda
 
O projeto O Poder das Narrativas, as Narrativas do Poder, foi apoiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, através do Concurso de Apoio a Projetos de Investigação nos Domínios da Língua e Cultura Portuguesas 2014.
 
CEHUM
Miguel M. Almeida: vanishing library; licença CC BY-NC 2.0

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas