Quarta-feira, 28 de Outubro de 2020
Financiamento/bolsas/emprego

UMinho abre concurso para Bolsa de doutoramento em Ciências da Cultura

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Portugal

Bolsas, Bolsas de investigação, Ciências da Cultura, Doutoramento, Letras

Encontra-se aberto concurso para a atribuição de uma Bolsa de Investigação para Doutoramento na área de Ciências da Cultura, no âmbito do Projeto Estratégico do Centro de Estudos Humanísticos da Universidade do Minho-CEHUM, referência UIDB/00305/2020, financiado por fundos nacionais através da FCT/MCTES (PIDDAC).O concurso está aberto entre os dias 31 de agosto de 2020, 09h:30 e até 11 de setembro de 2020, 16h30. O valor do subsídio de manutenção mensal é de 1.064€. A bolsa terá à duração de 12 meses, renováveis até um limite máximo de 36 meses.

Requisitos de admissão: A Bolsa de Investigação para Doutoramento destina-se a candidatos inscritos ou a candidatos que satisfaçam as condições necessárias para se inscreverem no Curso de Doutoramento em Ciências da Cultura do Instituto de Letras e Ciências Humanas da Universidade do Minho e que pretendam desenvolver atividades de investigação, no Centro de Estudos Humanísticos, conducentes à obtenção do grau académico de doutor.

Requisitos de Admissibilidade da Candidatura: É indispensável, sob pena de não admissão ao Concurso, anexar à candidatura os seguintes documentos:

  • a) Curriculum Vitae (CV) atualizado (máximo 4 páginas A4).
  • b) Certificados de habilitações de todos os graus académicos, especificando a classificação final e, de preferência, as classificações obtidas em todas as disciplinas realizadas. A omissão de certificados de graus académicos determina a exclusão da candidatura.  Salientamos que os graus académicos obtidos em países estrangeiros necessitam de registo por uma Instituição Portuguesa de acordo com o Decreto-lei nº. 66/2018, de 16 de agosto e a Portaria nº. 33/2019, de 25 de janeiro. A apresentação do certificado é mandatária para a assinatura do contrato. Mais informação poderá ser obtida em: https://www.dges.gov.pt/pt/pagina/reconhecimento?plid=374
  • c) Plano de trabalhos de investigação detalhado, com indicação do orientador científico assim como um coorientador, se aplicável.
  • d) Declaração de aceitação da orientação do(s) orientador(es).
  • e) Uma carta de motivação em que o candidato elucida as razões da sua candidatura e apresenta o que considera mais representativo do seu percurso científico/profissional (máximo 2 folhas A4);
  • f) Duas cartas de recomendação assinadas.
  • g) Documento que o candidato considere o mais representativo ou explicativo do seu percurso científico/profissional.
  • h) Relatórios de progresso já aprovados pelo Conselho Científico do ILCH, no caso dos alunos já inscritos no curso de Doutoramento em Ciências da Cultura, se aplicável.

Plano de trabalhos e orientação científica das bolsas: O plano de trabalhos a apresentar deve incluir os seguintes elementos:

  • Ramo de doutoramento;
  • Resumo do plano de trabalhos, com indicação do título do plano de trabalhos proposto, o sumário do plano de trabalhos a desenvolver, num máximo de 150 palavras, quatro a seis palavras-chave que melhor identifiquem o conteúdo do plano de trabalhos;
  • O estado da arte, ou revisão da literatura, num máximo 500 palavras;
  • Os objetivos do projeto, num máximo 300 palavras;
  • A descrição detalhada do projeto, num máximo 1000 palavras.
  • Um cronograma do plano de trabalhos proposto.
  • Referências bibliográficas, de forma consistente e de acordo com a norma APA (American Psychological Association).
  • Relatório de progresso dos trabalhos, no caso de alunos já inscritos no curso de Doutoramento em Ciências da Cultura.

Mais informações no edital em anexo e na página do Centro de Estudos Humanísticos da Universidade do Minho — CEHUM.

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas