Sábado, 24 de Agosto de 2019
Congressos

Seminário “Repensar a história da assistência e da saúde em Portugal (sécs. XVI-XX)”

Início: Fim: Países: Portugal

Eventos, História, História de Arte, Saúde

No próximo dia 21 de maio, realiza-se o Seminário “Repensar a história da assistência e da saúde em Portugal (sécs. XVI-XX)”, no auditório da Universidade Aberta, na Rua Almirante Barroso, n.º 38 (Lisboa).
 
Este evento científico é uma iniciativa do projeto «Hospitalis - Arquitetura hospitalar em Portugal nos alvores da Modernidade: identificação, caraterização e contextualização (PTDC/ART-HIS/30808/2017)», financiado pela Fundação para Ciência e a Tecnologia e promovido pelo Instituto de Ciências da Cultura Padre Manuel Antunes e pelo ARTIS - Instituto de História da Arte da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.
 
A participação é livre, mas sujeita a inscrição.

Inscrições e informações: hospitalis.project@gmail.com

 

9h45 – Abertura

10h00 – Isabel dos Guimarães Sá (Universidade do Minho), “A vida material dos hospitais: notas para uma agenda de investigação”

10h30 – Laurinda Abreu (Universidade de Évora), “Os hospitais na Época Moderna: entre a assistência e os cuidados de saúde”

11h00 – Debate

11h15 – Pausa

11h45 – Maria Marta Lobo Araújo (Universidade do Minho), “Os espaços dos hospitais do Noroeste português na Idade Moderna: o caso do hospital de São Marcos, de Braga”

12h15 – Milene Alves (Universidade de Lisboa), “A assistência aos expostos de Lisboa na Época Moderna: a aprendizagem de ofícios da construção”

12h45 – Debate

 

13h – Almoço

 

14h30 – Lisbeth Rodrigues (Universidade do Minho), “As finanças hospitalares no século XVI: o caso do hospital de Nossa Senhora do Pópulo”

15h00 – Alice Gago (Universidade Nova de Lisboa), “Os Magalhães e a fundação do hospital de Ponte da Barca”

15h30 – Francisco Pardal (Universidade de Lisboa), “As esmolas dos sobejos: aspetos assistenciais da Régia Confraria de Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa (1715-1750)"

16h00 – Debate

16h15 – Pausa

16h30 – Ricardo Cordeiro (ISCTE – IUL), "As Cozinhas Económicas de Lisboa: Assistência, alimentação e beneficiados, 1900-1920”

17h00 – Renato Pistola (Universidade de Lisboa), “De residência nobre a dispensário. O Palácio de S. Cristóvão como espaço clínico”

17h30 – Maria de Fátima Reis (Universidade de Lisboa), “Maternidade ou antecâmara de um inferno feminino? Alfredo da Costa e a saúde materno-infantil”

18h00 – Debate

18h15 - Encerramento

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas