Sábado, 20 de Abril de 2019
Congressos

Conferência Internacional Schengen: Pessoas, Fronteiras e Mobilidades

Início: Fim: Países: Portugal

Chamada para trabalhos, História

Até 15 de dezembro de 2014 está aberta a chamada para submissão de trabalhos na Conferência Internacional "Schengen: Pessoas, Fronteiras e Mobilidades", a ser realizada nos dias 15 e 16 de junho de 2015 em Lisboa, na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas – Universidade Nova de Lisboa.
 
Call for Papers | SCHENGEN: PESSOAS, FRONTEIRAS E MOBILIDADES
Conferência Internacional

 
Coordenação: Alice Cunha, Marta Silva e Rui Frederico (IHC, FCSH-UNL)
Local: Lisboa, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas – Universidade Nova de Lisboa
Datas: 15 e 16 de junho de 2015
Data limite para envio de propostas: 15 de dezembro de 2014

 
Na era da globalização, em que se assiste tanto à implementação de políticas de estímulo como de repressão da circulação de pessoas por parte dos Estados e de comunidades internacionais, a academia tem vindo a fomentar o debate e as atividades em torno de questões e conceitos relacionados com as migrações, as fronteiras e as mobilidades. É com esta base epistemológica que o olhar atual sobre a complexidade do espaço europeu nos convida a pensar os limites que separam os territórios assim como a ausência dos mesmos.
 
Decorridos 30 anos sobre a assinatura do primeiro acordo de Schengen, importa refletir acerca dos processos de circulação (e da sua diversidade) de pessoas dentro e para este espaço. Esta conferência internacional pretende assim debater de que modo é que a implementação do Espaço Schengen tem afetado, e alterado, as relações entre os Estados-membros, entre estes e países terceiros, assim como as influências que tem tido no âmbito da Política de Vizinhança Europeia.
 
Procura também analisar as alterações dos conceitos de fronteira e de controlo fronteiriço; compreender o modo como os residentes no Espaço Schengen – “nativos” ou imigrantes do Espaço ou exteriores a ele – constroem a sua identidade nacional e transnacional; aferir a evolução das mobilidades no interior do Espaço Schengen, que por sua vez permita perceber as relações entre territórios, Estados e indivíduos e elucidar acerca dos vários impactos dos acordos Schengen nesses mesmos espaços, nas pessoas e sociedades e nas suas vivências de fronteira.
 
Incentiva-se também a apresentação de propostas que possam trazer novos conhecimentos sobre as políticas migratórias excludentes provocadas pela construção de uma “fortaleza” em torno da Europa em determinados territórios; os discursos (mediáticos, políticos e científicos) que têm acompanhado os frequentes naufrágios e o drama humanitário nas costas do Mediterrâneo; os vários movimentos e iniciativas que têm surgido em alternativa às políticas migratórias da Europa e de Schengen (como a Carta Mundial dos Migrantes e a Carta de Lampedusa).
 
Aceitam-se propostas de comunicação de diversas áreas científicas (Antropologia, Ciência Política, Direito, Geografia, História, Relações Internacionais, Sociologia) com temas que se enquadrem no âmbito da conferência, focando-se em estudos comparados ou não.
 
As propostas de comunicação, deverão incluir os seguintes dados: nome, afiliação institucional, título da comunicação, resumo (até 500 palavras) e uma nota biográfica até 150 palavras.
 
As propostas devem ser enviadas em formato Word para: alice.cunha@fcsh.unl.pt
 
As línguas de trabalho são o Português e o Inglês.
 
Datas importantes:
Data limite para envio de propostas: 15 de dezembro de 2014
Divulgação dos resultados: 5 de janeiro de 2015
Envio de papers: 30 de abril de 2015
Conferência: 15 e 16 de junho de 2015
 
IHC

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas