Sexta-feira, 07 de Maio de 2021
Publicações

Chamada número especial 9 | 2021 da revista “Trajetórias Humanas Transcontinentais”

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: França

Chamada para artigos, Ciências Humanas e Sociais, Género, Mulheres

A revista on-line Trayectorias Humanas Trascontinental (TraHs), da Rede Internacional América Latina, África, Europa e Caribe (ALEC) "Territórios, Populações Vulneráveis, Políticas Públicas”, da Universidade de Limoges (França), divulga a convocatória para participação na sua nona edição de maio de 2021, com o tema: Cum finis. Mulheres confinadas em si mesmas.

A situação inédita em que o mundo se confronta atualmente com a epidemia de COVID 19 nos obriga a enfrentar medidas de saúde que vêm interrompendo nossa relação com a sociedade. O estabelecimento de lockdowns em muitos países tem ou terá impacto sobre nossas condições de vida, nossa economia, nossa reação com a realidade, nossa relações sociais e também questiona nossa postura de forma mais ampla em relação às políticas públicas. Vários estudos já demonstraram que a população feminina é identificada como uma das mais vulneráveis” a esta situação.

É justamente esse experimento de laboratório in vivo, conforme definido por Stéphane Beaud, professor de Ciências Políticas, que envolve qualquer tipo de confinamento, que desejamos explorar no próximo número da revista TraHs (Trayectorias Humanas Trascontinentales). Os artigos relativos à crise sanitária são bem-vindos, mas buscamos de forma mais ampla enfocar o fenômeno do confinamento como experiência de ruptura com o mundo pelo prisma das situações femininas, de desafios em relação a esse isolamento sofrido ou escolhido deliberadamente. Desejamos partir da própria etimologia do termo “confinamento” que em latim se refere ao temo "confinis” (= que tem o mesmo limite) e que se compõe de "cum" (= com) e *finis” (= limite, fronteira) e que remete de facto uma forma de exílio.

Os artigos que destacam experiências incomuns de períodos anteriores ao nosso século XXI serão apreciados. Além disso, a questão pode ser de particular interesse para artigos que visam ver a provação do confinamento como reveladora de desigualdades de gênero.

Convidamos, portanto, os colaboradores a nos enviarem suas comunicações (em francês, inglês, espanhol ou português) que possam investir no campo histórico, sociológico, antropológico, literário, artístico e basear-se em fatos históricos, fatos diversos, crises saúde ou ficções, até 30 de março de 2021, o mais tardar, respeitando os padrões de publicação da revista TraHs.

Os artigos (completos) redigidos em sua versão final (em francês, espanhol, português ou inglês) devem ser enviados para:

Diretora da revista
Dra. Dominique Gay-Sylvestre, Universidade de Limoges, França
dominique.gav-syvestre@wanadoo.fr

Diretora do número
Dra. Marie-Gersande Raoul, Universidade de Limoges, França
mgraoult@aol.com

Os autores serão informados da decisão do comitê científico o mais tardar em 30 de abril de 2021 para uma publicação digital prevista para maio de 2021.

Para obter mais informações sobre as normas de publicação, consulte o seguinte link: http://www.unilim.fr/trahs/95


Observações

  • Título: somente se coloca o título original e a tradução em inglês
  • Ordem para os resumos (não mais que 250 palavras e 5 palavras-chave):
    • artigos escritos em português: resumo em português, francês, espanhol e inglês;
    • artigos escritos em francês: resumo em francês, espanhol, português e inglês;
    • artigos escritos em espanhol: resumo em espanhol francês, português e inglês;
    • artigos escritos em inglês: resumo em inglês, espanhol, francês e português.
  • Solicitamos que todos os autores revisem cuidadosamente o resumen, abstract, resumo e résumé.

Consulte a chamada completa: https://en.calameo.com/read/006224717c7a6948ba4d9

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas