Domingo, 23 de Janeiro de 2022
Publicações

Chamada e-cadernos CES: "Para além do Antropoceno"

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Portugal

Chamada para artigos, Ciências Sociais, Estudos do Antropoceno

Para além do Antropoceno: crise climática, novas ontologias e alternativas à modernidade antropocêntrica

Organização: António Carvalho, Mariana Riquito

Prazo para envio de artigos: 10 de abril de 2022

Palavras-chave: Antropoceno, crise climática, ontologia, modernidade

Seguindo a linha de investigação crítica do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, pretendemos fazer dialogar contribuições teóricas e aportes práticos que questionem e desafiem os limites da modernidade capitalista, extrativista, antropocêntrica e patriarcal. Assim, convidamos autores/as das diferentes ciências sociais, humanas e políticas bem como ativistas e artistas a submeterem contributos que discutam, analisem ou aprofundem alguns destes tópicos e afins:

  • Capitaloceno versus Antropoceno; extrativismo, capitalismo, (neo)imperialismo, (neo)colonialismo e o antropoceno;

  • Epistemologias do Sul e o Antropoceno; políticas pluriversais; ontologias contra-hegemónicas e o Antropoceno;

  • Ecologias políticas radicais; ecologias políticas decoloniais; ecologias negras e indígenas; ecologias pós-capitalistas; ecologias políticas ecofeministas;

  • Decrescimento; comuns; pós-desenvolvimento;

  • Direitos da Natureza; estudos humano-animal; relações mais-que-humanas; pós-humanismo;

  • Alternativas sistémicas; políticas pré-figurativas;

  • Movimentos de Justiça Ambiental e Climática; conflitos e resistências socioecológicas; lutas pelo território;

  • Cosmovisões indígenas; Buen Vivir; Sumak Kawsay;

  • O Antropoceno e as artes;

  • A pandemia de COVID-19 e o Antropoceno.

Mais informações: https://journals.openedition.org/eces/6484


A e-cadernos CES é uma publicação online, com acesso livre, que se baseia num sistema de avaliação por pares e é editada pelo Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (Portugal). Integra atualmente as seguintes bases de indexação: CAPES, DOAJ, EBSCO, ERIH Plus e Latindex. Para mais informações sobre a publicação consulte: https://journals.openedition.org/eces.

Todos os textos devem ser originais e submetidos na sua versão completa, em língua portuguesa, inglesa, francesa ou castelhana. Podem ter até 60 mil caracteres no máximo (com espaços), incluindo notas e referências bibliográficas. Para a secção final @cetera, podem ser apresentados outros textos (até 35 mil caracteres), entrevistas e debates (até 25 mil caracteres) ou recensões críticas inéditas (máximo 5 mil caracteres).

As normas detalhadas para submissão dos textos estão disponíveis em https://journals.openedition.org/eces/804. As mensagens devem ser enviadas para e-cadernos@ces.uc.pt e indicar explicitamente que se referem ao número temático em questão.

Todos os contributos estarão sujeitos a um processo de arbitragem científica.

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas