Sexta-feira, 07 de Maio de 2021
Publicações

Chamada aberta - Opiniães nº 18: Vozearia literária: autoria feminina brasileira em coro

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Brasil

Chamada para artigos, Cultura, Género, Letras, Literatura, Mulheres

Chamada aberta - Opiniães nº 18: Vozearia literária: autoria feminina brasileira em coro

A Opiniães - Revista dos Alunos de Literatura Brasileira (USP) convida alunos e pesquisadores a enviarem artigos e ensaios inéditos, no campo da literatura brasileira, para compor o dossiê temático “Vozearia literária: autoria feminina brasileira em coro”, integrante da edição de número 18, a ser publicada em julho de 2021.

O dossiê temático receberá ensaios que utilizem perspectivas de gênero e ou feminista a partir de novos modelos de enunciação acadêmicos. Segundo a filósofa Carla Rodrigues (UFRJ), “o movimento novo na academia não é estudar gênero, mas estudar com gêneros, quer dizer generificando a bibliografia”. Nesse sentido, é pertinente considerar “epistemologias pluriversais” que se utilizam da interseccionalidade como forma de questionar as hierarquias de opressão e revelam as estruturas que invisibilizam as demandas das mulheres.

A produção literária brasileira de autoria feminina, entre fins do século XIX e começo do XX, compõe-se de diversas experiências imbricadas em sua própria formação social, revelando as desigualdades que, estruturalmente, atravessam não só o gênero, mas, também, a classe e a questão racial. A participação das mulheres no campo literário brasileiro é marcada historicamente pela invisibilidade e assimetria dessas relações. À beira do silêncio imposto pelo patriarcado capitalista, poetas, ficcionistas, dramaturgas e ensaístas desenvolveram suas potências criativas.

As formulações teórico metodológicas, propostas por pensadoras como Lélia Gonzalez, Grada Kilomba, Conceição Evaristo, entre tantas outras, revelam a importância do lugar enunciativo que emerge de vivências múltiplas de exploração e resistência. Heloisa Buarque de Hollanda, ao surpreender-se com a nova explosão feminista, em torno de 2015, avalia que isso se deu pelo fato de a escuta dessas vozes ter sido "fraquíssima" e percebe o “lugar de fala” como a grande reinvindicação dessa quarta onda feminista.

Além do dossiê temático, a Opiniães - Revista dos Alunos de Literatura Brasileira (Qualis B5/Qualis B1 provisório 2021) receberá também artigos de tema livre, resenhas, ensaios e traduções inéditas. Na edição número 18, a seção de criação literária privilegiará textos de autoras e LGBTQIA+.

As submissões dos textos deverão seguir as normas da revista e podem ser feitas até o dia 18/12/20, via sistema, pelo endereço eletrônico: www.revistas.usp.br/opiniaes.

As submissões são abertas a pesquisadores vinculados ou não a instituições acadêmicas, não sendo necessário título de mestre/doutor. Temos, por princípio, que a avaliação por pares, de caráter duplo-cego, é suficiente para garantir a originalidade e a qualidade dos artigos a serem publicados.

Ayana Moreira Dias, Cecilia Silva Furquim Marinho, Maira Luana Morais e Mariana Diniz Mendes
Editoras da Opiniães # 18

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas