Segunda-feira, 18 de Outubro de 2021
Notícias

Prémio de Revelação Literária: Novos Talentos, Novas Obras em Língua Portuguesa

Início: Data de abertura: Data de encerramento:

Lançamentos, Literatura, Livros, Prémios

A UCCLA - União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa, a Câmara Municipal de Lisboa e a Guerra e Paz Editores, apresentam Sonho de Amadeo, o livro vencedor da 6ª edição do Prémio de Revelação Literária: Novos Talentos, Novas Obras em Língua Portuguesa. Dia 28 de agosto, às 17 horas, na 91ª Feira do Livro de Lisboa (Auditório sul).

O Prémio Literário UCCLA, criado em 2015/2016 tem como objetivo estimular a produção de obras literárias, nos domínios da prosa de ficção (romance, novela, conto e crónica) e da Poesia, em língua portuguesa. Ao concurso só pode concorrer quem nunca editou uma obra literária e poderá enviar uma única obra a concurso.

Devido à parceria com a Câmara de Lisboa, em 2021, o Prémio Literário UCCLA - Novos Talentos, Novas Obras em Língua Portuguesa passou a designar-se Prémio de Revelação Literária UCCLA-CMLisboa: Novos talentos, Novas Obras, em Língua Portuguesa. O Prémio Literário tem igualmente uma parceria com o Movimento – 800 anos da Língua Portuguesa.

O Sonho de Amadeo, vencedor da última edição é da autoria de Leonardo Costa de Oliveira, brasileiro do interior do Rio de Janeiro, de 38 anos. É geólogo, doutor em geociências. Ex-assistente na Universidade Federal Espírito Santo (UFES), 2009-2013. Trabalha como Geo-físico para a Petrobrás. Desde cedo escreveu contos e músicas. Foi guitarrista e vocalista em bandas de rock alternativo.

As candidaturas para a 7ª edição do Prémio de Revelação Literária estão abertas até 7 de janeiro de 2022 e podem ser enviadas para o endereço premioliterario@uccla.pt

O júri de 2021 incluiu na sua composição escritores e professores de todos os países de Língua portuguesa:

  • Domício Proença, Brasil;
  • Germano Almeida, Cabo Verde;
  • Hélder Simbad, Angola;
  • Inocência Mata, São Tomé e Príncipe;
  • Pires Laranjeira, Portugal;
  • Luís Carlos Patraquim, Moçambique,
  • Luís Costa, Timor,
  • Tony Tcheka, Guiné Bissau.
  • Como habitualmente, incorporamos anualmente uma diferente Biblioteca Nacional, este ano a Profa. Doutora Inês Cordeiro, diretora da Biblioteca Nacional de Portugal;
  • pelo Movimento 800 anos da Língua Portuguesa - João Pinto Sousa;
  • pela UCCLA - Rui Lourido.

O prémio inclui:

  • o vencedor será convidado de honra do 5L - Festival Literário de Lisboa e um prémio pecuniário, atribuído pela CMLisboa;
  • o apoio institucional da Comissão Temática para a Promoção e Difusão da Língua Portuguesa da CPLP;
  • a edição do Livro vencedor, pela Guerra e Paz Editores, com lançamento na Feira do Livro de Lisboa;
  • o convite para apresentar uma comunicação ao próximo Encontro de Escritores de Língua Portuguesa que a UCCLA organiza anualmente fora de Portugal.

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas