Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2022
Congressos

Modalidades de Resistência nos Impérios Ibéricos. Da participação política às formas quotidianas de dissensão (1450-1850)

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Portugal

Chamada para trabalhos, Ciências Sociais, Estudos Ibéricos, História

No quadro do Projeto RESISTANCE: Rebelião e Resistência nos Impérios Ibéricos, sécs. XVI-XIX (778076-H2020-MSCA-RISE-2017), o Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa e o CHAM – Centro de Humanidades da Universidade Nova de Lisboa e da Universidade dos Açores, apresentam o Simpósio VI – Modalidades de Resistência nos Impérios Ibéricos. Da participação política às formas quotidianas de dissensão (1450-1850). O simpósio irá ter lugar em Lisboa, Portugal, a 9 e 10 de fevereiro de 2023.

Este simpósio tem como finalidade reunir investigadores que trabalhem sobre as pessoas oriundas dos “grupos de baixo” e sua atuação na transformação da sociedade. Pretende-se colocar em diálogo pesquisas que explorem a ação que essas pessoas desenvolveram através de diferentes modalidades de participação política e mediante práticas quotidianas de resistência, as quais, muitas vezes, acabavam por erodir as estruturas sociais e políticas. Estas modalidades de resistência eram por vezes rotineiras e subterrâneas, outras vezes expressavam-se no contexto de práticas institucionais, esgrimindo argumentos que não passavam necessariamente pelo recurso à violência física, e envolvendo, frequentemente, poucas pessoas. Ambas são importantes para estudar a emergência de novas formas de imaginação política e social, compreender o grau de tensão e de conflitualidade social que se exprimiu em situações quotidianas e discutir em que medida é que esse magma de descontentamento poderá ter contribuído para a erupção de eventos violentos, geradores de transformações mais sistémicas.

 

Os tópicos de interesse especial para o simpósio incluem:

  • Vocabulários de oposição quotidiana e no contexto da participação política
  • Desafios à autoridade a partir da participação política
  • Petições e negociações como atos de resistência
  • Lugares de resistência quotidiana
  • Padrões de resistência e dissensão com pouca visibilidade pública
  • Modalidades de erosão das instituições
  • Contrabando, sabotagem, vadiagem, e outras modalidades de recusa da ordem instituída

 

O Simpósio

O Simpósio decorrerá no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. Português, espanhol e inglês serão as línguas oficiais do evento. De modo a permitir discussões com o envolvimento de todos, espera-se que cada participante tenha uma compreensão mínima das outras línguas, para além da que irá usar na sua comunicação.

Os custos de viagem e alojamento não serão cobertos pelas entidades organizadoras. No entanto, a organização do Simpósio está disponível para fornecer informações sobre possibilidades de estadias e planeamento de deslocações.

 

Submissão de propostas

O prazo de submissão de propostas é 20 de outubro de 2022.

Limite máximo dos resumos: 250 palavras.

Serão aceites resumos em português, inglês e espanhol.

Juntamente com o resumo, enviar um breve curriculum vitae.

Enviar para o email: symposium6resistance@gmail.com

 

Organização

Ângela Barreto Xavier (ICS); Pedro Cardim (UNL); Kevin Carreira Soares (ICS); Miguel Dantas Cruz (ICS); Felipe Garcia de Oliveira (UNL); André Godinho (ICS); Mariana Meneses Muñoz (UNL); Catarina Monteiro (UEVORA).

Project RESISTANCE. HORIZON 2020. Marie Skłodowska-Curie. RISE 2017- No 778076

 

Instituições colaboradoras

ICS – Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa

CHAM – Centro de Humanidades da Universidade Nova de Lisboa e da Universidade dos Açores

 

(call for papers disponível também em espanhol e inglês [PDF em anexo])

 


This project has received funding from the European Union’s Horizon 2020 research and innovation programme under the Marie Skłodowska-Curie Grant Agreement No 778076.

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas