Domingo, 13 de Junho de 2021
Congressos

Conferência Internacional WOMANART

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Portugal

Arte, Artes cénicas, Artes visuais, Chamada para trabalhos, Cinema, Literatura, Teatro

Call Conferência Internacional WOMANART

18 e 19 de novembro 2021

Centro de Estudos Humanísticos da Universidade do Minho

Regime Misto: presencial e online (manhã e tarde)

Prazos:

  • Prazo para envio de propostas: 31 de maio

  • Notificação de aceitação: 15 de junho

  • Artigos completos (selecionados para publicação): 15 de dezembro

Submissões: https://forms.gle/v4LyKUYFpNpf26mP7

Taxa de inscrição: 30 € (isento para alunos, investigadores e professores da UM)

 

A conferência internacional WOMANART surge no âmbito do projeto WOMANART – Mulheres, Artes e Ditadura. Os casos de Portugal, Brasil e países africanos de língua portuguesa (PTDC/ART-OUT/28051/2017). Concebida a partir de uma perspetiva multidisciplinar, esta conferência tem por objectivo dar visibilidade à presença de mulheres artistas do século XX em Portugal, Brasil e países Africanos de língua portuguesa, enquanto criadoras nos cânones literários e artísticos. Ancorada numa matriz de língua portuguesa e no questionamento do impacto da criação artística feminina em contextos ditatoriais, propomo-nos questionar a história das histórias da arte e da literatura, revelando os seus silêncios/invisibilidades e margens, com o fim de contribuir para uma reconfiguração do cânone, face a estudos de caso contrastivos ou complementares. Refletiremos sobre o modo como a ideologia dominante marcou as práticas artísticas no feminino e as formas de resistência/resilência engendradas.

São aceites propostas nos campos da literatura, artes visuais, cinema, documentário, teatro e performance, focando, entre outras, as seguintes problemáticas:

  1. Que características enquadram o trabalho das mulheres artistas enquanto reação a uma ideologia autoritária dominante, quer como um sistema simbólico que reflete uma dada situação histórica de dominação, quer como uma estrutura de valores que configura uma determinada realidade?

  2. Como funcionam estas práticas artísticas enquanto formas instrumentais de denúncia de um sistema opressivo que foi imposto ao longo de várias décadas?

  3. Quais as estratégias usadas pela arte e literatura no sentido da representação da repressão política da ditadura, da guerra colonial e consequente silenciamento histórico?

  4. Como foram abordadas/manipuladas/camufladas as questões de política de género e de feminismo?

  5. Como é que as atuais gerações de mulheres artistas revisitam este momento histórico particular através da sua arte? E de que forma revisitam este passado histórico face a desafios atuais (emigração, exílio, diáspora, …)?

Contacto:

Site WOMANART: http://ceh.ilch.uminho.pt/womanart/

Email: laisnatalino@ilch.uminho.pt

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas