Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Fundação Calouste Gulbenkian
Associação Internacional de Lusitanistas

Saber mais

Publicações

Representações do social em Clarice Lispector: Dossiê da revista Antares

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Brasil

Literatura, Chamada para artigos, Ciências Humanas e Sociais, Migrações, Letras

A revista Antares: Letras e Humanidades, do Programa de Pós-Graduação em Letras e Cultura da Universidade de Caxias do Sul (RS) (ISSN: 1984-4921) seleciona artigos para o dossiê "Representações do social em Clarice Lispector". O prazo para submissão vai até 15 de agosto de 2017.

Há 40 anos, falecia Clarice Lispector. Nesse mesmo ano de 1977 era publicada a edição original de A hora da estrela, sua última obra, quando a perspectiva intimista da escritora extrapola para uma fábula do social, um olhar emblemático para a miséria, representado pela inesquecível personagem Macabéa. Ciente da dificuldade em expressar, do seu lugar de intelectual, a realidade de brasileiros menos favorecidos, Clarice expõe em várias passagens da obra esse desconforto, e parece optar pela comicidade como saída, produzindo uma caricatura da qual não escapa o narrador, na delicada posição de representar tão distanciada alteridade feminina.

A revista Antares convoca pesquisadores interessados em Clarice Lispector para refletir sobre um viés menos estudado – diante de temas mais facilmente identificáveis, como as questões existenciais e metafísicas –, que é a vertente social de sua produção. Considerar-se-ão, também, as ressonâncias de "A hora da estrela" na produção literária subsequente.

Organizadores: Profa. Dra. Alessandra Paula Rech (PPGLet/UCS) e Prof. Dr. Manoel Freire Rodrigues (PPGLet/UERN)

Editada pelo  Programa de Pós-Graduação em Letras, Cultura e Regionalidade da Universidade de Caxias do Sul (UCS), a revista eletrônica ANTARES: Letras e Humanidades tem como propósito contribuir para o desenvolvimento dos estudos sobre Literatura e Linguística, bem como proporcionar, através da divulgação de trabalhos inéditos de análise da cultura a partir de diferentes disciplinas, o debate acerca da regionalidade, dos territórios e das fronteiras, tendo como eixo a problemática identidade/universalidade.

A revista tem periodicidade semestral e compõe-se das seguintes seções:

  • Ensaios e artigos científicos originais e de revisão crítica nas áreas de Letras e Humanidades, sempre valorizando as matérias que proponham um diálogo transdisciplinar;
  • Resenhas de obras recém-publicadas (nos últimos 24 meses);
  • Entrevistas
  • Dossiês

Divulgada e distribuída em formato eletrônico, Antares: Letras e Humanidades poderá publicar, eventualmente, números comemorativos em suporte convencional.

Mais informações na página da revista Antares: Letras e Humanidades.

 

Informação relacionada

Outras webs de referência
Enviar Informação

Mapa de visitas