Sábado, 18 de Novembro de 2017

Fundação Calouste Gulbenkian
Associação Internacional de Lusitanistas

Saber mais

Financiamento/bolsas/emprego

Divulgado edital Capes/Nuffic em parceria com a Holanda 2017

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Brasil, Holanda

Programas, Ciências Humanas e Sociais

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulga a abertura de inscrições para o edital nº 27/2017 referente ao programa Capes/Nuffic em parceria com a Holanda. As inscrições das propostas vão até o dia 22 de setembro de 2017.
 
O programa internacional Capes/Nuffic concederá bolsas de doutorado sanduíche, pós-doutorado e graduação sanduíche em instituições de ensino superior brasileiras e holandesas. As áreas contempladas são ciências biológicas, engenharias, ciências médicas (ciências da saúde), ciências agrícolas, ciências sociais aplicadas, ciências humanas e artes.

Entre os benefícios previstos pelo programa, destacam-se bolsas de estudo e auxilio deslocamento para estudantes brasileiros em missão de estudos, diárias e auxílio deslocamento para docentes doutores brasileiros em missão de trabalho, seguro-saúde e recursos de custeio para despesas relativas às atividades da parceria desenvolvidas no Brasil.

O edital visa selecionar até 5 projetos conjuntos de pesquisa, mediante decisão conjunta entre as agências financiadoras e disponibilidade orçamentária.

Na Holanda, a entidade responsável pelo programa é Organização Neerlandesa para a Cooperação Internacional em Educação Superior (NUFFIC) do Ministério da Educação, Ciência e Cultura (OCW), do Reino dos Países Baixos, representada no Brasil pelo seu escritório Nuffic Neso Brazil.

Cada Programa de Pós-Graduação da IES brasileira poderá apresentar somente uma proposta de projeto ao Programa, que deverá atender, obrigatoriamente, aos seguintes requisitos:

  1. Envolver uma parceria entre instituições de ensino superior de cada país, não sendo excluída a associação em rede com outras instituições;
  2. Ter caráter inovador, considerando inclusive o desenvolvimento da área no contexto nacional e internacional, e explicitando as vantagens advindas da parceria internacional;
  3. Conjugar os interesses institucional, regional e nacional;
  4. Enfatizar as inovações bilaterais no treinamento e na educação.

Confira o edital na íntegra em anexo.

Informação relacionada

Outras webs de referência
Enviar Informação

Mapa de visitas