Sexta-feira, 20 de Abril de 2018

Fundação Calouste Gulbenkian
Associação Internacional de Lusitanistas

Saber mais

Congressos

Simpósio "Tramas da alteridade caribenha: representações, perspectivas e devires"

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Brasil

Chamada para trabalhos, Estudos Latino-Americanos, História

VI Congresso Internacional Núcleo de Estudos das Américas – NUCLEAS, Rio de Janeiro
27 a 31 de agosto de 2018
Campus da UERJ – Maracanã

http://www.congressonucleas.com.br/#!/

Simpósio:  HIST 4 - Tramas da alteridade caribenha: representações, perspectivas e devires.

Coordenação: Profa. Dra. Vanessa Massoni da Rocha - Universidade Federal Fluminense, Profa. Dra. Pauline Franchini - Université de Bourgogne-Franche-Comté, Dijon, França.

Inscrições até 30 de junho

Email: vanessamassonirocha@gmail.com / pauline.franchini@u-bourgogne.fr

EMENTA: Christiane Taubira explica que “a grande e inestimável lição que nos delega a sombria e longa travessia do tráfico negreiro e da escravidão é mostrar o mundo em sua pluralidade, nos convidar a perceber que o que não muda, o que não se desfaz, é a alteridade” (2015, p.19). Tendo como ponto de partida a alteridade reiterada por Taubira e o pressuposto de que o espaço caribenho se constitui no mosaico cultural de diásporas, da crioulidade e da tessitura de encontros plurais, esse simpósio acolhe comunicações que versem sobre o espaço caribenho em sua interlocução com o outro. Trata-se de analisar, em leituras transdisciplinares, a realidade caribenha desde o período colonial até a contemporaneidade, na qual escritores como Patrick Chamoiseau (2016) defendem a importância da mondialité (globalidade) como reinvenção criativa e fraternal da globalização e de seus possíveis revezes. Nesse contexto, trabalhos que contemplem a diáspora, a escravidão e seus desdobramentos, as tramas da (pós)colonização, as línguas em contato, o Caribe e a imigração, a Neo-América e a perspectiva da Antilhanidade, a Globalização e a “mondialité” e a Globalização e a identidade caribenha aprofundarão as análises empreendidas. Trabalhos acerca da literatura caribenha e das questões de representação, edição e publicação de livros, da literatura infanto-juvenil caribenha e a noção de literatura menor bem como reflexões sobre a Identidade caribenha, o sincretismo religioso e as artes de fazer e dizer em diálogo serão importantes para o estudo das tramas da alteridade caribenha.

Informação relacionada

Outras webs de referência
Enviar Informação

Mapa de visitas