Segunda-feira, 15 de Outubro de 2018
Congressos

II Colóquio Internacional A Presença Portuguesa em Ziguinchor | novo prazo

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Portugal

Chamada para trabalhos, Ciências Humanas e Sociais, Mestrado, Património

II Colóquio Internacional

 

A Presença Portuguesa em Ziguinchor: Memórias e Patrimónios
28 e 29 de janeiro de 2019
Universidade de Évora (Portugal)

 


Em 2016, comemorou-se o 130º aniversário da assinatura da Convenção luso-francesa que delimitou os territórios das duas potências. Nesta sequência, Ziguinchor (e a região de Casamansa, lato sensu) passa do domínio colonial português para o francês. Para comemorar o acontecimento histórico decorrente da Conferência de Berlim (1884/85), em dezembro de 2016, o Centro de Pesquisa Interdisciplinar em Línguas, Literaturas, Artes e Culturas da Universidade Assane Seck (Ziguinchor – Senegal) organizou o I Colóquio Internacional A Presença Portuguesa em Ziguinchor: História, Património Material e Imaterial.

O II Colóquio Internacional A Presença Portuguesa em Ziguinchor: Memórias e Patrimónios visa dar continuidade aos trabalhos iniciados em 2016 e, como tal, apresentar-se-á como um espaço de debate multi e interdisciplinar que pretende revisitar a história, a herança cultural portuguesa e as dinâmicas que a mantêm viva. As propostas devem ser enviadas para o e-mail ziguinchor2@uevora.ptaté dia 30 de setembro de 2018 (prazo prorrogado).

Assim, de modo a dar-se continuidade aos trabalhos e à discussão iniciada em 2016, convidam-se historiadores, sociólogos, etnólogos, antropólogos, linguistas, filólogos, arquivistas, geógrafos, botânicos, farmacêuticos e investigadores de outras áreas científicas a apresentar uma proposta de comunicação tendo por base os eixos temáticos propostos:

  • A presença portuguesa em Ziguinchor
    • História da presença portuguesa em Ziguinchor
    • Influência portuguesa no património material da região de Casamansa
    • Influência portuguesa no património imaterial da região de Casamansa
       
  • Memória e memorialização da presença portuguesa em Ziguinchor
    • Literatura/Relatos de viagens sobre a região de Casamansa
    • Literatura tradicional de influência portuguesa
    • Crioulo de base portuguesa de Casamansa
       
  • Paisagens naturais e antropizadas da região de Casamansa
    • Fauna e flora autóctones
    • Fauna e flora introduzidas pelos portugueses e outros europeus

Línguas de comunicação: português e francês

Apoio:
Cátedra UNESCO
IELT
CEIS20
CIDEHUS
CREILAC e UFR (Univ. Assane Seck – Senegal)

Confira a chamada completa em anexo para mais informações.

Informação relacionada

Enviar Informação

Mapa de visitas