Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Fundação Calouste Gulbenkian
Associação Internacional de Lusitanistas

Saber mais

Congressos

Educação Superior e Povos Indígenas e Afrodescendentes na América Latina

Início: Fim: Data de abertura: Data de encerramento: Países: Argentina

Chamada para trabalhos, Educação, Estudos Africanos, Política Cultural, Estudos Afro-Brasileiros, Género, Política, Estudos Latino-Americanos

A quarta edição do Colóquio e Oficina Internacional Educação Superior e Povos Indígenas e Afrodescendentes na América Latina: Possibilidades, obstáculos e desafios, acontece em Buenos Aires de 4 a 6 de outubro de 2017. O evento está dedicado a difundir estudos e a proporcionar o intercâmbio de reflexões sobre as possibilidades, os obstáculos e os desafios que apresentam as políticas públicas no desenvolvimento de experiências concretas no campo da Educação Superior e Povos Indígenas e Afrodescendentes na América Latina. Os investigadores interessados em submeter trabalhos têm até 15 de maio.

As propostas devem estar escritas em português ou espanhol e os autores devem residir em algum país latino-americano. Serão concedidas algumas bolsas de estadia e viagem. Durante o Colóquio serão analisadas as políticas e práticas de organismos governamentais e intergovernamentais, organizações de povos indígenas e afrodescendentes, Universidades e outras instituições de educação superior (públicas ou privadas), como também outros atores sociais que atuam nesse campo.

Além de difundir estudos e facilitar o intercâmbio de conhecimentos e reflexões sobre o tema, o Colóquio procurará contribuir com a formulação e com a aplicação apropriada de políticas e programas que aprofundem a democratização da Educação Superior, sua pertinência com respeito à diversidade cultural própria de cada sociedade e o desenvolvimento de modalidades de colaboração intercultural com equidade entre Universidades (ou outras Instituições de Educação Superior) e Povos Indígenas e Afrodescendentes.

De maneira análoga às três edições anteriores deste Colóquio, durante o evento serão realizadas apresentações com base nas experiências de algumas das mais de 40 universidades e demais instituições que integram a Rede Educação Superior e Povos Indígenas e Afrodescendentes na América Latina (Rede ESIAL). Adicionalmente, nesta edição do Colóquio, haverá a apresentação de um máximo de 10 trabalhos, que a partir de uma perspectiva de gênero, possam analisar experiências concretas de programas e políticas de Educação Superior por/para/ com Povos Indígenas e Afrodescendentes na América Latina.

Mais informações na convocatória em anexo e na página da ESIAL e através do e-mail redesial@untref.edu.ar.

Documentos

Informação relacionada

Outras webs de referência
Enviar Informação

Mapa de visitas